terça-feira, 7 de junho de 2016

Notícias da horta

A professora Luísa ofereceu os morangos e a professora Elisabete plantou-os.
Ora vejam como eles estão. Já têm flor e fruto!!...

Um dos nossos morangueiros com flor e fruto
Os morangos são um dos frutos de verão mais apetecidos e dos mais fáceis de plantar.

O morangueiro (Fragaria vesca) é uma herbácea perene, rasteira e de pequeno porte, caracterizada por uma folha com três folíolos e pequenas flores brancas.

O morangueiro
Existem dois tipos de morangueiros: os remontantes (crescem continuamente entre Junho e Outubro) e os não-remontantes (produzem morangos apenas uma vez por ano entre Abril e Junho). 
Ora vê algumas das variedades deste fruto:

Algumas variedades de morangos
As plantas necessitam de muito sol direto o que torna crucial uma escolha acertada do local para cultivo. Adicionalmente, os morangueiros não toleram nem a terra seca, nem a terra encharcada, ou seja, é necessário um equilíbrio: um solo que absorve bem a humidade, mas que também permite o escoamento da água. 
O morango é um pseudofruto. A parte vermelha, carnuda e suculenta, que comemos é um espessamento da base da flor (recetáculo floral desenvolvido) e o que achamos ser as sementinhas do morango são na verdade os seus frutos!!

Morangueiro: flores e frutos
Os benefícios para a saúde são muitos: atua como antioxidante e anti-inflamatório; é uma excelente fonte de vitamina C, A, B1, B2 e B9; é rico em sais minerais como o ferro, cálcio, potássio, fósforo e silício. Previne doenças cardiovasculares, diminui o risco de diabetes e previne o aparecimento de certos tipos de cancro.

Os nossos cardos

Na nossa horta plantaram-se, há alguns anos, alguns cardos. As inflorescências não devem tardar a desabrochar. Aqui deixaremos o relato:

Um dos nossos cardos

Uma inflorescência pronta para desabrochar

sexta-feira, 3 de junho de 2016

Planta do mês: cardo-leiteiro ou cardo do coalho

Cynara cardunculus variedade altilis
O cardo, Cynara cardunculus variedade altilis, é uma planta ornamental e alimentar.
Nasce espontaneamente em Portugal e pertence à mesma espécie da alcachofra, sendo muito parecida com esta.
O cardo cultivado difere do cardo selvagem por ser maior em altura, ter inflorescências de maior tamanho, ter pecíolos (o talo das folhas) mais grossos e por ter menos espinhos.
Possui enormes e vistosas folhas de cor cinza-prateada e produz, de maio a agosto, fantásticas inflorescências de cor azul-violeta muito apreciadas pelos insectos polinizadores.
A flor (estames) é colhida e seca à sombra para depois se obter um extracto aquoso que se adiciona ao leite para que coalhe (produção artesanal/tradicional: queijo da Serra, queijo de Azeitão, etc.).
Flor do cardo

Estames da flor do cardo
Aqui te deixamos um pequeno vídeo para ficares a conhecer a forma tradicional de fazer queijo a partir da flor do cardo.


Esta planta, quando jovem, pode ser consumida tal como a alcachofra. Porém, ela é cultivada principalmente para o consumo dos talos das folhas, que são limpos e usados em pratos cozinhados.
Este cardo prefere locais expostos ao sol e não exige regas frequentes, adaptando-se a diversos tipos de solo. Uma boa escolha para jardins mediterrânicos.

quarta-feira, 1 de junho de 2016

Férias…Exames?


Chegou o mês de junho e com ele a época das férias escolares. Porém, para muitos alunos é também a época de exames.
A horta não tem férias! As plantas são seres vivos que continuam a precisar dos nossos cuidados (regar, mondar, plantar, colher, etc.). Por isso há sempre muito que fazer!!...
Para os que vão de férias esperamos que tenham um bom descanso… e para aqueles que têm exames desejamos muito boa sorte.

Até setembro J

Relatório do Estado do Ambiente


O Relatório do Estado do Ambiente 2015 (REA 2015) constitui a mais recente avaliação do estado do ambiente em Portugal.
Publicado anualmente pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e com a colaboração de cerca de 20 outros organismos da administração pública, este relatório é elaborado desde 1987, ano da publicação da primeira Lei de Bases do Ambiente. Tem como propósito avaliar o estado do ambiente em Portugal e reconhecer os principais progressos e constrangimentos nesta área. Identifica igualmente a posição do País face aos objetivos e metas assumidos.
O REA 2015 apresenta 36 fichas de indicadores ambientais, distribuídas por oito capítulos: Economia e Ambiente; Energia e Clima; Transportes; Ar; Água; Solo e Biodiversidade; Resíduos e Riscos Ambientais.
Para além dos indicadores, a edição de 2015 inclui um conjunto de 16 artigos sobre os mais recentes desenvolvimentos em matéria de ambiente e políticas ambientais.
Contém também, à semelhança dos últimos dois anos, um capítulo sobre Cenários Macroeconómicos.


Dia Mundial do Ambiente


O Dia Mundial do Ambiente é celebrado anualmente, desde 1972, a 5 de junho.
É um evento que tem como objetivo assinalar ações positivas de proteção e preservação do ambiente e alertar as populações e os governos para a necessidade de salvar o ambiente.
Em dezembro de 2015, o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) nomeou Angola como sede para as celebrações do Dia Mundial do Meio Ambiente, em 2016. Um dos motivos que levaram à escolha de Angola foi o rol de ações tomadas pelo governo para conservar e reconstruir a população de elefantes.
Todos os anos, as Nações Unidas apresentam um tema (Luta contra o Comércio Ilegal da Fauna e da Flora Selvagem - 2016) que serve de ponto de partida para o desenvolvimento de atividades, em mais de 100 países.
Os eventos visam apresentar novas formas e métodos de preservar o futuro da humanidade, seja através de ações individuais do cidadão ou coletivas.
Nas escolas esta data assume especial importância, com a chamada de atenção para a preservação do meio ambiente junto das crianças.

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Dia Nacional da Energia

Dia Nacional da Energia é assinalado a 29 de Maio e foi criado, em Portugal, no ano de 1981 pela Direção Geral de Energia.
A finalidade deste dia é sensibilizar e motivar as pessoas quanto à necessidade de poupar energia.


Algumas formas de poupar energia


Este dia também é importante para promover as energias renováveis, mais amigas do ambiente, em substituição das energias fósseis, altamente poluentes e prejudiciais para a vida na Terra.  


No dia-a-dia são muitos os exemplos de opções de consumo ou de comportamentos que se traduzem em poupanças de energia em casa ou no local de trabalho. Esta poupança reflete-se na redução das contas de eletricidade, gás e numa melhor qualidade de vida para todos.
Quinta-feira é dia 29 de maio. Aproveita este dia para mudar os teus hábitos!
Usa eficientemente a energia…